TRADUTOR/TRANSLATE

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

O Perigo de seguir estudiosos e seus hadiths infundados

VIA Yassin Fakir 
Após o assassinato do piloto jordaniano, Mu'adh Al-Kasasbeh, o Estado "Islâmico" Autoridade de Pesquisa e Fatwa, declarou que queimar não-muçulmanos vivos é completamente admissível.
A fatwa foi distribuída nas ruas de Raqqa e também na conta do Twitter de um grupo ativista do ISIS em 03 de fevereiro de 2015 chamado "Raqqa is Being Slaughtered Silently" (@Raqqa_SI) (Raqqa está sendo massacrada silenciosamente). A seguir, trechos traduzidos: 
"Q: Qual é a decisão sobre queimar um infiel com o fogo até que ele morra?
"A:. As escolas Hanafi e Shafi'i [do Islã] sustentam que queimar é completamente admissível. Elas interpretaram o dito do Profeta que "Só Deus deve torturar com fogo" como [a chamada para] humildade. [O estudioso] Al. -Muhallab disse: "Esta proibição não é [uma real] proibição, mas sim um meio para [defender] a humildade."
[O estudioso Shafi ] Ibn Hajar, que Allah tenha misericórdia dele, disse: "[Este provérbio] indica que é permitido queimar, como os companheiros fizeram. O profeta cegou dois homens de Arina [que ele julgou serem apóstatas e criminosos] com um ferro em brasa. Khalid bin Al-Walid, [um dos Companheiros do Profeta], também queimou apóstatas com fogo."
Alguns estudiosos sustentam que queimar com fogo é essencialmente proibido, mas é permitido ao atuar em retribuição, como o Profeta fez com os dois homens em Arina. Ele os cegou com um ferro como um ato de vingança, como é mencionado em um autêntico [hadith]. E essa é a mais proeminente entre as provas ."
VEJA BEM COMO É PERIGOSO SEGUIR CEGAMENTE, COMO É PERIGOSO SEGUIR FONTES EXTERNAS AO ALCORÃO. USE O CÉREBRO! POIS O ALCORÃO NÃO PERMITE ISSO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário