TRADUTOR/TRANSLATE

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Pedofilia Não é Doença!

PEDOFILIA NÃO É DOENÇA, É A EXACERBAÇÃO DE UMA NORMA SOCIAL AMPLAMENTE ACEITA: A SUPREMACIA DO MACHO.
Pedófilo abusador de criança não é doente. Pedófilos abusadores de crianças não são monstros, não são anormais, não são doentes, SÃO FILHOS SAUDÁVEIS de uma sociedade patriarcal que autoriza ao homem a acessar, violar e explorar toda e qualquer criatura que ele possa dominar pela força, seja física, política ou social. São filhos saudáveis de uma sociedade que funda suas relações e sociabilidades no desenvolvimento e manutenção da supremacia masculina. Abusadores de crianças não sofrem de uma patologia individual, eles exercitam a exacerbação extrema de uma norma social amplamente aceita: a de que o macho tem o direito natural de se servir, desfrutar e explorar todos os outros corpos e subjetividades que estão, na sociedade patriarcal, subordinados a ele. Pedófilo abusador de criança é um homem saudável socializado dentro da norma do patriarcado. O ponto de vista de pedófilo abusador de crianças sobre a pedofilia e o abuso infantil NÃO PODE SER LEVADO EM CONSIDERAÇÃO EM DETRIMENTO DO PONTO DE VISTA DAS VÍTIMAS DE ABUSO.
Foda-se os sentimentos, o psicológico, a saúde o bem estar do abusador. FODA - SE.
Quem tem que ser ouvido, ter o ponto de vista considerado, quem tem que produzir sentido sobre os abusos sexuais SÃO AS VÍTIMAS.
Quem tem que ser ouvida e ter sua narrativa sobre abusos e abusadores considerada, compreendida e levada em conta na hora de produzir sentido, estabelecer crítica, normais sociais e de conduta sobre abusos infantis e abusadores SOU EU, É A NATACHA, A RENATA, A OLÍVIA, A NEUZA E TODAS AS VÍTIMAS DE ABUSOS INFANTIS, E NÃO OS SEUS ABUSADORES.
Parem de se ocupar desses merdas. Se ocupar com o ponto de vista, com a saúde, o bem estar e a segurança de abusadores NÃO É FEMINISMO. É ANTIFEMINISTA E ANTISSORORÁRIO. É O QUE O PATRIARCADO FAZ.
Via Escrituras Radicais

Nenhum comentário:

Postar um comentário