TRADUTOR/TRANSLATE

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Carta a alguns muçulmanos

Vocês precisam parar de fazer isso
Falácia é uma espécie de mentira, é um argumento logicamente inconsistente, inválido, ou que falhe de outro modo.

Falácia tu quoque

Consiste em admitir um erro que os outros também cometem, como se fosse uma desculpa.
ex.: -Existe muita misoginia nos países de maioria muçulmana.
-mas nos países ocidentais também.
Dizer "no ocidente também" não diminui o fato dos países de "maioria muçulmana" serem misóginos, ou tira a responsabilidade dos muçulmanos sobre isso.


Falácia do argumentum ad populum (apelo à multidão)

É uma expressão latina que define um raciocínio falacioso que consiste em dizer que determinada proposição é válida ou boa simplesmente porque muitas pessoas (ou a maioria delas) a aprovam. Também chamado de apelo à quantidade, o argumento é inválido pois nada garante que algo seja verdadeiro ou correto apenas pela sua popularidade.

O mesmo seria dizer que "Sua página é ruim pois não tem muitas curtidas." ou " Um milhão de muçulmanos e só você pensa assim"



Falácia do argumentum ad antiquitatem, também chamada de apelo à tradição,
É uma falácia que consiste em dar autoridade a algo em função de sua antiguidade, ou ainda afirmar que algo é verdadeiro ou bom porque é antigo ou "sempre foi assim"
ex.:-"Você não pode dizer que os estudiosos do islã estão errados por mais de mil anos, ou em mais de 1000 anos ninguém viu isso só você?"

Falácia do argumentum ad verecundiam ou argumentum magister dixit
É uma expressão em latim que significa apelo à autoridade ou argumento de autoridade, é uma falácia lógica que apela para a palavra de alguma autoridade a fim de validar o argumento. Este raciocínio é absurdo quando a conclusão se baseia exclusivamente na credibilidade do autor da proposição e não nas razões que ele apresentou para sustentá-la

ex.: "Ele é um estudioso, estudou x anos na Arábia, e quem foi seu professor?, horas, ele tem doutorado!."

obsr.:Nem todo argumento baseado na autoridade de um especialista é por consequência disso uma falácia. mas (Só podemos aceitar a conclusão de um argumento de autoridade se não existirem outros argumentos mais fortes ou de força igual a favor da conclusão contrária.)

Um comentário:

  1. Se o islam nao foi destruido desde a epoca do profeta(s.a.w) nao e voce que vao destruir atraveis da sua ignorancia Mano. A sua boca nao vai conseguir englir o isla.

    ResponderExcluir